top of page

O assalto ao mar aberto

Este domingo, Opensea, o maior Marketplace de NFTs sofreu um hack com estimados 1.7 Milhoes de dollares roubados em Ethereum.


O hacker aproveitou-se da situação do Opensea na qual tinha anunciado a sua atualização de Smart-Contacts e redirecionou as carteiras para si próprio.

Há 28 dias atras, e até ao upgrade dos smart-contracts, o objetivo do hacker era obter o maior número de assinaturas metamask, pois assim sendo tinha a permissão dos usuários para transferir os seus precisos NFTs ou vende-los a preços ridiculamente baratos como um Bored Ape vendido por 0.01 ETH (a base de licitação sao +90 ETH).

Com esta brincadeira o membro do BAYC que viu o seu NFT roubado decidiu processar o Opensea no valor de 1 Milhão e diz "Em vez de fecharem a plataforma para resolver o problema e verificar a segurança , defendem a continuar a operar ".


Descentralização tem os seus pontos positivos e negativos e deve ser o dever de cada um saber no que está assinar e permitir que se acedam a sua carteira , neste espaço não regulado existem muitas pessoas com más intenções e o próprio Opensea reconhece que 80% das coleções no seu marketplace ou são plágios , spams e NFTs falsos.





13 views0 comments
bottom of page